Dicas para abrir uma empresa em época de pandemia

Com o distanciamento social até a forma de empreender se renovou, abrir um negócio de casa se tornou a melhor opção para quem precisou se reinventar ou mesmo superar a crise econômica; especialista esclarece as principais dúvidas sobre o assunto

Em toda crise existe uma oportunidade? A frase que parece clichê se tornou uma realidade em meio a pandemia do novo coronavírus. Muitas pessoas que perderam seu emprego e tiveram que se reinventar decidiram tirar o sonho de empreender do papel e colocá-lo em prática. Para se ter uma ideia, o Brasil atingiu a marca de 10 milhões de Microempreendedor Individual (MEI) durante a pandemia, esse registro possibilita a formalização de empreendedores, donos de empresas que faturam até R$ 81 mil por ano e têm no máximo um colaborador.

Continue lendo

7 dicas para manter sua empresa no caminho certo durante a retomada

Negócios que se adaptaram reagiram melhor à crise – mas têm desafio de reavaliar decisões e continuar de olho no mercado

Cada empresa se adaptou à pandemia à sua maneira. Algumas encontraram o caminho nas entregas. Outras digitalizaram os serviços ou criaram produtos para novas demandas. Quem conseguiu se adaptar reagiu melhor à crise. Mas o futuro ainda é incerto e exige atenção constante às suas transformações.

PEGN conversou com duas especialistas para entender como fortalecer a empresa neste momento. Entre os focos da análise estão as próprias adaptações feitas até agora. É preciso avaliar se elas continuarão fazendo sentido daqui para frente.

A seguir, veja 7 dicas de como manter a empresa competitiva e saudável durante a retomada.

Continue lendo

Campanha Unificada Natal Solidário

A Campanha Unificada Natal Solidário teve início no ano de 2010. Este ano, estamos na 8
edição. Uma das principais características desta campanha é o comprometimento que temos com, sobretudo, a data da entrega. Mais que uma mera entrega de doações, é um momento onde leva-se os amigos e parceiros para visitar as instituições. No asilo, por exemplo, a partir da 2a edição, realizamos uma programação ao longo do dia que inclue: almoço e presente de natal aos idosos. Outra característica é a transparência da campanha. Todos os anos, compartilhamos, por meio da página do Facebook, as fotos das doações, fotos do dia da entrega, contabilidade da campanha, entre outras coisas. Continue lendo

Cinco etapas para quem quer abrir o próprio negócio

Empreendedores

Pergunta: “Sinto-me emperrado em meu emprego atual. Não é um cargo ruim – tenho oportunidades de crescimento profissional e sou bem remunerado. O problema é que eu tenho uma ideia própria para uma empresa, que me mantém acordado à noite e me faz levantar de manhã. Mas todos os dias tenho de desviar essa energia para meu emprego. Deveria deixar meu emprego e começar minha própria empresa sem a menor garantia? As pessoas ficam me dizendo que não preciso me demitir para seguir meu sonho empresarial, mas sei que se eu quiser que se realize devo aplicar nele todas as minhas energias. Que conselho você me dá, e a outros como eu que se sentem igualmente presos?” Theodore Eccleston

Confira esta e outras respostas aqui:

Continue lendo

Como se tornar um microempreendedor individual (MEI)

Não são todas as atividades comerciais que podem ser praticadas por um Microempreendedor Individual (Foto: Valdir Ribeiro Jr)

Não são todas as atividades comerciais que podem ser praticadas por um Microempreendedor Individual (Foto: Valdir Ribeiro Jr)

Esta semana o site da revista Pequenas Empresas Grandes Negócios publicou uma matéria muito interessante detalhando os passos para se tornar um Empreendedor Individual, confira:

Criado em julho de 2009, o Microempreendedor Individual (MEI) é considerado a porta de entrada para o mundo empresarial. É, atualmente, a maneira mais simples que uma pessoa tem para abrir uma empresa no Brasil e tudo pode ser feito pelo próprio empreendedor.

Para ajudar aqueles que querem se aventurar nesse caminho, montamos o seguinte passo a passo com a ajuda dos consultores do Sebrae-SP Marcelo Ulliana e Filipe Rubim. Continue lendo

Entendendo a dinâmica dos negócios

Muitos empreendimentos são abertos diariamente sem um mínimo de planejamento. Alguém tem a ideia de um produto ou serviço, abre as portas e voilà!

Todo empreendedor experiente ou instruído sabe que as coisas não funcionam assim.

Não à toa, a taxa de mortalidade das empresas é altíssima no Brasil. Segundo o SEBRAE, mais da metade das empresas fecham as portas em até 2 anos.

Continue lendo

Criando valor para o consumidor

Criando valor para o consumidor

Uma empresa pode ter uma boa localização, bons produtos, um negócio bem estruturado e, ainda assim, não ser a opção mais vantajosa para o seu público. O que motiva e leva o consumidor a comprar um produto ou serviço?

A evolução dos mercados e a multiplicação dos concorrentes exigem das empresas uma boa definição e posicionamento da oferta de valor para o cliente. O conhecimento a respeito do consumidor ou cliente é fundamental. Mas quem é ele? Por que se comporta de diferentes formas em diferentes ocasiões?

Continue lendo